Analise: X-Blades!

xblades

X-Blades

Tem pistolas? Tem espadas?? Tem menina semi-nua?! Quero, posso e já joguei!!

É verdade leitores já joguei o mais recente Hack-and-slash em ritmo de contagem decrescente para God of War III e confira já abaixo a minha opinião!!

ayumi-x-blades

Take- 2 Acção!

Ok, ok eu sei que a apresentação acima foi um bocado foleira mas vamos lá tentar recomeçar… Bem mesmo não sendo exactamente o que eu esperava X-Blades não desilude pois também não cria expectativa(sempre quis dizer uma coisa inteligente como esta), mas passo a explicar, joguei X-Blades não porque cria muito jogar mas por falta de opção. Ainda assim é um jogo divertido e aliciante(pelo menos nas primeira horas)…

Sendo uma expecie de “hack and slash” estaria a espera de mais sangue mais mortos mais monstros horríveis, em conclusão mais frieza! Ao invés disso encontrei um game bem colorido, com um aspecto bem “cartonesco” e uns inimigos, uns saídos de uns desenhos feitos por crianças de dois anos e outros com um aspecto de animais misturados uns com os outros…

xblades01

A diversão de um jogo colorido!

Apesar de, como já referi, estar à espera de um jogo mais “sangrento” achei que esta mudança para um estilo mais cartonesco foi um aspecto positivo que melhora o jogo e que em vez de criar uma personagem principal “Toda Boa” como muitos estavam à espera, cria uma personagem forte, perigosa, “gira” e que não perde sensualidade.

O resto do jogo achei que perecia muito saído de filme da Disney em que o fundo não tem nada a ver com a acção e isso realmente acontece pois até os caixões que temos que destruir só “ganham vida” na altura em que a espada toca neles… Apesar desse pequeno detalhe os gráficos são bons e até parece um pouco que este vão melhorando á medida que o jogo passa…

x-blades_queen-spider

Os Bosses

Bem este é sem duvida a parte de me fez mais “troçer o nariz” quanto ao game… Os bosses não estão mal e até estão bem difíceis (bem como em todos os hack-and-slash), mas a pior parte é que, para além do primeiro e dois últimos bosses, todos os outros não têm nada a ver com a história e simplesmente aperesem sem nenhuma clip nem nada! E para quem está habituado a games como DMC ou GoW, em que todos os bosses têm clip(uipiii ^^), deixa um pouco a desejar…

Ainda assim o seus estilo e grafismo está bom, como tudo no game, e alguns dos bosses têm um nível de dificuldade bem alto mesmo nos níveis mais faceis…

x-blades_escuridao

The Light vs The Dark

No game você controla uma personagem feminina (Girls Power :P) chamada Ayumi, ela é uma destemida caçadora de tesouros que está sempre procurando por mais e mais riquezas e poderes e que diz que gosta de trabalhar sozinha, “os parceiros metem-se sempre no caminho”… Depois de mais uma caçada bem sucedida ela vai vender o seu premio numa loja de artefactos, enquanto o velho da loja começa a inspeccionar o tesouro ela vai dar uma vista de olhos pela loja e é ai que ela encontra um artefacto deveras interessante… Eu fiquei logo a pensar que ela o iria roubar, mas ao invés disso ela tira um objecto idêntico do bolso e os dois se encaixam como uma puzzle… A sala é envolta em escuridão e uns monstros aparecem, o primeiro leva o velho da loja e os outros atacam a nossa heroína, depois de os derrotar a sala volta ao normal e as peças transformam-se num mapa… Um mapa para um dos mais valiosos Artefactos de todos os tempos.. A Escuridão!!

É ai que o game começa, com a sua busca pela escuridão, a Ayumi chega a um grande Templo com uma expecie de altar no centro, em cima do altar encontra-se um circulo negro (A Escuridão) e quando a Ayumi a tenta alcançar um gigante “Anúbis” Branco(The Enlightened) a impede de o fazer dizendo que se ela tocar no artefacto será possuída pela “Curse”… Ela, ignorando o que disse a besta, avança a toca na esfera, esta transforma-se em uma expecie de óleo e envolve a pobre rapariga Bem feito! Ai o guardião diz que sendo assim tem de a matar! Começa a batalha contra o primeiro boss… (Se querem saber mais vão ao site oficial: X-Blades)

O resto da história é a Ayumi a tentar descubrir a cura para a curse e enquanto isso conhese Jay outro aventureiro com puderes da Luz que a ajuda a sair de uma armadilha e no final… Não vou contar!! Se quiserem saber mais comprem o jogo(ou saquem como eu xD).

xblades02

O “GamePlay”

Apesar de se parecer como qualquer outro jogo de aventura este X-Blades tem alguns pontos que o levam a ter o seu próprio charme… Um deles é, como ja referi, o grafismo. O outro é a sua jogabilidade, passo a explicar:

No game existem três modos principais de luta, temos as espadas(As Grand Blades) que têm uma “habilidade” muito própria o que nos leva ao segundo modo de luta, as pistolas mas em todas as fotos viram alguma pistola?? Não? É porque as pistolas são as próprias Grand Blades! Não perguntem também não sei o que lhe passou pela cabeça… Bem mas vamos ao terceiro e mais poderozo modo de combate, as magias, que funciona um pouco como um RPG, você compra os poderes com os cristais(ou que raio aquilo é) e coloca os seus melhores ataques em botões de atalho, o que facilita a utilização… Também deve ser dito que, por exemplo, um ataque de fogo tira mais a um monstro de gelo e vice versa, esta é sem duvida uma das melhores características que dá mais vida ao jogo e lhe dá esta característica única ao game…

xblades03

Concluindo, um jogo bom mas poderia ser melhor

Ok estou a falar muito bem do jogo que sem duvida está optimo mas, dito isto, poderia evoluir ainda mais… Como já falei existo nos gráficos o problema dos cenários com falta de vida, mas existe ainda problemas de maior importância.

Sem duvida o maior dos problemas é a história. Bem, não a história em si, até porque está bastante interessante mas o verdadeiro problema é que mais de 60% do jogo nada ou pouco tem a ver com o jogo, ou seja nós estamos a passar os níveis e a andar de um lado para o outro sem sequer saber o que estamos à procura, o que é sem duvida um problema pois pode desinteressar o jogador logo nos primeiros níveis…

Outro dos problemas é a repetividade do jogo, pois para além dos três modos de combate não sai muito disso, pronto existe varios elemento de magias que são varias mas depois de nos fartarmos das magias? O que fazer? No XBOX ainda temos os achivements para nos entretermos depois de terminarmos o game pela primeira vez mas no PC falta algum incentivo…

E existem outros problemas menos importantes de que não vou falar, mas é um bom jogo lançado numa altura de poucos lançamentos para PC e XBOX por isso… Sim eu recomendo!

Nota: 7.0

Anúncios

3 Responses to “Analise: X-Blades!”


  1. 1 Ruben Fevereiro 22, 2009 às 7:33 pm

    Este tipo de jogos é um dos meus preferidos,por causa agressividade e monstros terriveis cm em GoW, mas como o Sobraz disse a X-BLADES falta-lhe sangue, etc. Mas de resto adorei e aconselho a todos.(olha fui eu ke saguei e n tu)

  2. 2 comentarista Fevereiro 20, 2010 às 4:23 am

    cara o jogo ate que e legalzinho mais e muito repetitivo e cansativo bem ele e de uma impresa iniciante e isso ate que e normal a unica coisa que me prende a jogar este jogo e que a personagem e gostosa demais XD e e mo legal fica vendo a bunda dela o tempo todo bem so isso me segura nele XD

  3. 3 ja baixe mais n consigo emtra Abril 7, 2010 às 12:17 am

    baixe mais n consigo emtra aparece um trosso la de insinde sei la


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Fevereiro 2009
S T Q Q S S D
« Jan   Mar »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
232425262728  

Os Hunters

Visitas

  • 139,670 Visitas

Twitter

Erro: Twitter não está a responder. Por favor espere alguns minutos e recarregue esta página.


%d bloggers like this: